Santíssima Trindade

Santíssima Trindade

sábado, 24 de janeiro de 2015

Aviso

Salve Regina!

O Apostolado Anima Christi reserva para si o direito de postar todos os debates, críticas e dúvidas enviadas pelos internautas, de acordo com os critérios adotados pelo administrador do blog. É fundamental, portanto, manifestar de forma clara e objetiva o desejo de anonimato de seus dados pessoais - como nome, idade e localização - na própria mensagem a ser enviada.

Prezo pela liberdade de expressão de todos os consulentes sobre quaisquer temas, desde que respeitando os limites da razão e do bom senso. As mensagens que se enquadram no conjunto de descrições abaixo não serão publicadas: 

- mensagens que abordem temas já publicados e exaustivamente respondidos no blog (estas serão respondidas somente via e-mail); 

- mensagens de teor ofensivo, depreciativo e/ou com linguagem imprópria; 

- mensagens de conteúdo obscuro (estrutura textual duvidosa, erros gramaticais graves, etc). 

O blog não foi criado para fins polêmicos, tampouco para alimentar disputas religiosas. Os debates serão permitidos desde que se atenham aos temas ligados às postagens, servindo-se de uma linguagem respeitosa e moderada e sem ofensas gratuitas e desnecessários à Igreja Católica Apostólica Romana, seus líderes e símbolos, que não serão, de modo algum, toleradas. 

Este apostolado é composto por um leigo católico que, como você, possui ocupações e deveres, enfim, uma rotina diária. Conto portanto com a sua colaboração para o saudável funcionamento do blog, e compreensão em relação aos possíveis atrasos nas respostas às dúvidas que me são enviadas. 

Em Cristo e Maria Santíssima, 

Orlando Alves, fundador deste apostolado.

Finalmente no ar...

Salve Regina!

Eis o primeiro post deste sítio. Há cerca de dois anos, tive a ideia de criar um blog, onde eu pudesse compartilhar artigos e reflexões acerca da religião católica. O projeto ficou na gaveta durante algum tempo. Somente agora - em janeiro de 2015 - decidi colocá-lo em prática, o que não foi fácil: até então, mesmo após os três anos que se seguiram desde a minha conversão, não obtive os conhecimentos necessários para fazê-lo.

Contudo, decidi arriscar, e eis-me aqui! Alerto, desde já, que meus futuros leitores - quer muitos, quer poucos - não devem buscar neste blog a refinada erudição de um teólogo, tampouco as complexas reflexões de um filósofo. Sou como uma folha à deriva do vento: sou levado para onde a minha inteligência me guia, sem me preocupar com meu destino final. Como autodidata, pesquisando aqui e ali, elaboro meus textos, tentando expor, da maneira mais clara possível, o que aprendi.

Esclareço também que este espaço não é meu somente, mas de todos aqueles que, de alguma forma, se beneficiam de seu conteúdo. Estou aberto a críticas, sugestões e correções, desde que estejam fundamentadas na caridade fraterna.

Sou, acima de tudo, seu irmão em Cristo. E mesmo que nos limitemos a estabelecer laços neste vasto e turbulento mundo virtual, formamos, no coração da Igreja, uma só alma.

Em Cristo e Maria Santíssima,

Orlando Alves, fundador deste apostolado.